Conheça 6 sintomas de imunidade baixa que você precisa ficar atento

imunidade baixa

Conheça 6 sintomas de imunidade baixa que você precisa ficar atento

Como anda o seu sistema imune? Essa é uma pergunta que ouvimos muito, mas nem sempre sabemos como responder. Se você faz parte desse grupo, veio ao lugar certo! Afinal, hoje falaremos sobre os sintomas de baixa imunidade.

A imunidade corresponde à nossa capacidade de combater possíveis agentes infecciosos que atingem o nosso organismo, como vírus e bactérias. Quando ela está comprometida, ficamos mais suscetíveis a adoecer e apresentar outros sintomas.

Continue a leitura para descobrir mais sobre esse assunto e tire as suas dúvidas sobre as melhores dicas para ter uma imunidade arrasadora e que não deixe você na mão no combate às principais infecções. Vamos lá!

O que é a imunidade?

Imunidade é, como dissemos, o processo responsável pela defesa do nosso corpo contra agentes externos. O sistema imune é composto de diversos órgãos, estruturas e células (conhecidas como glóbulos brancos) que participam dessa luta contra os invasores.

Por que a imunidade fica baixa?

Há vários motivos para que a imunidade de uma pessoa fique baixa. Alguns deles incluem:

  • estresse;
  • noites mal-dormidas;
  • problemas com a alimentação (pouca oferta de nutrientes);
  • hábitos nocivos (ingestão de álcool, tabagismo, uso de drogas…), entre outros.

Além disso, algumas alterações fazem com que a imunidade seja naturalmente reduzida nas pessoas, como é o caso do vírus HIV e de problemas como a leucemia. No entanto, é perfeitamente possível ter uma imunidade comprometida mesmo sem a presença de quadros como estes.

Quais são os sintomas de imunidade baixa?

Confira, agora, os principais sintomas desse problema.

1. Infecções recorrentes

Você é do tipo que parece que está sempre resfriado? Ou, então, vira e mexe aparecem lesões de herpes ou amigdalites em seu dia a dia?

Esse é o sinal mais clássico de que a sua imunidade está comprometida e merece atenção. Afinal, é um indicativo de que o seu organismo não está dando conta de “segurar” os agentes invasores. 

2. Cansaço

Quando estamos com a imunidade baixa, é normal que nos sintamos extremamente cansados. O motivo para isso é a necessidade de nosso corpo usar toda a energia para combater os agentes causadores de doenças.

Outra causa é a própria ocorrência da infecção, que tende a fazer com que o corpo fique mais “pesado” e sem energia.

3. Sono excessivo

E por falar em cansaço, o sono excessivo também é outro indicativo de que algo não anda tão bem assim com a sua imunidade. 

Se você vive sonolento e dormiria a qualquer hora e em qualquer lugar, é hora de ficar de olho. Mas fique atento, pois esse sintoma também pode indicar a ocorrência de outros problemas, como a anemia.

4. Queda de cabelo

Seus cabelos estão caindo mais do que o normal? É preciso ficar de olho. A imunidade baixa pode ser uma das causas para esse problema, embora não seja a única.

Outras razões são deficiências e carências de vitaminas e minerais, estresse e muito mais. Além disso, problemas dermatológicos também devem ser avaliados.

5. Manchas na pele

Se você costuma ter manchas vermelhas pela pele, saiba que é um sinal de que há algo errado. E isso pode ter a ver com a sua imunidade!

No entanto, mais uma vez, essa não é a única razão para esse sintoma. Então, é fundamental fazer uma avaliação completa em busca de outras causas que podem gerar as manchinhas.

6. Olhos secos

Por fim, temos os olhos secos. Se você sente incômodo na região ocular, vermelhidão e até mesmo dores, é possível que esteja produzindo menos lágrimas do que o normal.

Nesses casos, uma das razões possíveis é a imunidade baixa, mas novamente há outras origens que podem estar associadas a esse problema. Na dúvida, agende uma consulta com um oftalmologista para checar se está tudo bem.

Como melhorar a imunidade?

Para fechar, confira algumas dicas que vão fazer com que a sua imunidade fique muito melhor! 

Pratique atividades físicas

A primeira grande dica é: pratique atividades físicas regularmente! Independentemente de qual seja a sua escolha, é importante que elas estejam incluídas em sua rotina.

O recomendado é fazer exercícios, pelo menos, 3 vezes por semana. Além de reduzir o estresse e o risco de desenvolvimento de várias doenças, isso ajuda a otimizar o seu sistema imune.

Tenha uma alimentação adequada

Boa parte da força da imunidade vem da alimentação! Então, capriche em uma dieta bem diversificada e rica em “alimentos de verdade”, que possam ser convertidos em reações essenciais para o funcionamento do organismo.

Outra dica importante é evitar os alimentos ultraprocessados, que tendem a piorar consideravelmente o poder da imunidade. E, claro, não deixe de se hidratar bastante ao longo do dia.

Faça uso de probióticos

O consumo de probióticos é uma forma bacana de melhorar a saúde do nosso sistema gastrointestinal e, de quebra, trabalhar a imunidade de forma indireta.

Afinal, as bactérias que estão presentes em nosso intestino e estômago estão associadas ao equilíbrio do sistema imunológico, participando muito do processo de defesa. 

Durma bem

O sono é o melhor remédio para a imunidade! Dormir bem faz com que o nosso corpo se recupere do dia anterior e permite que as células brancas atinjam o seu pico produtivo, que ocorre durante a noite.

Para que isso seja possível, uma dica: pratique a higiene do sono. Antes de dormir, se afaste de celulares e outros aparelhos eletrônicos. Prefira um bom livro e uma bebida quente para começar a preparar seu corpo e sua mente para relaxar!

Se mantenha longe do estresse

Sabemos que é difícil, mas o estresse é um dos principais problemas associados à imunidade baixa. Então, tente mantê-lo o mais longe possível da sua rotina.

Evite trabalhar além das horas que você precisa trabalhar, se engaje em atividades que tragam prazer para o seu dia a dia e sempre priorize a sua saúde mental. Assim, sua saúde física também sai ganhando!

Gostou de saber mais sobre a imunidade baixa e de conferir dicas para combater esse problema? Agora, é hora de você implementar essas recomendações em seu dia a dia e manter as doenças bem longe do seu dia a dia.

Antes de ir, aproveite para conferir outra postagem do nosso blog, desta vez com dicas para que você possa ter mais energia. Boa leitura! 

e-book emagrecimento

Post Recentes

CADASTRE-SE PARA RECEBER NOVIDADES

Tudo sobre os mais diversos temas sobre treinamentos, modalidades e dicas.

Share via
Copy link