Pulseiras fitness e smartwatches: como extrair o máximo de benefícios desses gadgets durante o treino?

potência muscular
Descubra o que é potência muscular e como é trabalhada nos treinos
29 de julho de 2021
envelhecimento ativo
Envelhecimento ativo: o que é e como ter uma melhor qualidade de vida?
16 de agosto de 2021
Mostrar Todos

Pulseiras fitness e smartwatches: como extrair o máximo de benefícios desses gadgets durante o treino?

pulseiras fitness

Nos últimos anos, as pulseiras fitness e os smartwatches dominaram o mercado da tecnologia. Essa parcela de mercado não para de crescer e ainda tem boas perspectivas para o futuro, uma vez que cada vez mais pessoas adquirem e usam esses equipamentos diariamente.

As vantagens do uso dessas tecnologias são enormes e variadas: elas mudam a percepção do nosso nível de atividade diária e também garantem o registro de tudo aquilo que fazemos no dia.

Esses dois benefícios ajudam a dar um bom parâmetro sobre nosso estilo de vida e sobre, principalmente, o que precisamos fazer de diferente para conseguir maiores resultados dentro e/ou fora da academia.

Nessa postagem, nós falaremos mais sobre como você pode extrair o máximo desses equipamentos. As dicas são práticas e podem mudar bastante a maneira como você treina e se alimenta. Gostou da ideia? Continue sua leitura até o final!

Utilize os dados para melhorar seus treinos

A principal razão para utilizar as pulseiras fitness e os smartwatches é a coleta de dados. É possível reunir uma infinidade de informações que, no passado, seria necessário contar com uma equipe ou com uma quantidade enorme de equipamentos diferentes. Com essas novas tecnologias, conseguimos verificar frequência cardíaca, distância percorrida, pace (no caso da corrida de rua), aceleração e uma quantidade de variáveis que são vitais para a prescrição de um treinamento.

Portanto, o primeiro passo consiste na coleta e, posteriormente, na análise de cada uma dessas variáveis. No caso de quem corre, por exemplo, é muito importante observar a duração, distância percorrida e pace para conseguir criar treinos mais eficazes e mais intensos. No caso de quem faz musculação ou busca emagrecer, ficar de olho no gasto calórico pode ser uma importante ferramenta para modificar o treinamento e a alimentação. Por isso, não deixe de verificar e utilizar esses dados.

Verifique sua frequência cardíaca durante o exercício

O frequencímetro cardíaco, por muito tempo, foi uma ferramenta de luxo dentro do mundo do treinamento esportivo. Há duas décadas, era preciso gastar milhares de reais para ter um equipamento minimamente acurado. Hoje, esses novos gadgets conseguem trazer boas ferramentas com um preço bem abaixo do que era praticado no passado. Saber a frequência cardíaca pode mudar sensivelmente a maneira como você treina.

Um dos maiores exemplos para isso é a zona cardíaca lipolítica, que é a zona de frequência cardíaca em que nosso corpo queima gordura corporal com maior eficiência e facilidade. Manter-se nessa faixa garante melhores resultados e faz com que o atleta consiga ter um parâmetro seguro e eficaz sobre a intensidade necessária para aquela etapa do seu treino.

Por isso, conte com essa funcionalidade da pulseira fitness e smartwatch e não deixe de procurar um profissional de educação física devidamente qualificado para conseguir utilizar todas essas informações da maneira correta e realmente funcional. Lembre-se que este é o profissional devidamente qualificado para prescrever exercícios e atividades físicas e, sem ele, sua saúde pode estar em risco, mesmo com os melhores equipamentos em mãos.

Gostou do post? Assine nossa newsletter e não perca mais nenhum conteúdo como este!

SAÚDE SEMPREPowered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *