Exercícios aeróbicos e anaeróbicos: quais são as diferenças e os objetivos?

como malhar corretamente
Carga x execução: afinal, como malhar corretamente?
22 de julho de 2019
treinos de academia
Treinos de academia: força, definição, hipertrofia ou emagrecimento?
30 de julho de 2019
Mostrar Todos

Exercícios aeróbicos e anaeróbicos: quais são as diferenças e os objetivos?

exercícios aeróbicos

Você sabe quais são as diferenças entre exercícios aeróbicos e anaeróbicos? Para conquistar um corpo em forma, é necessário alternar entre esses dois tipos de atividade física a fim de promover o equilíbrio do organismo.

Tudo depende, basicamente, de qual é o seu objetivo com os exercícios: emagrecer, criar massa muscular ou, ainda, definir o corpo. Ambos fazem bem para a saúde, entretanto, é importante contar com a orientação de um profissional capacitado para evitar qualquer risco de lesão.

Ficou curioso sobre o assunto? Então, continue a leitura e saiba quais são as principais diferenças e objetivos dos exercícios aeróbicos e anaeróbicos. Acompanhe!

O que é exercício aeróbico?

Exercício aeróbico ou aeróbio é uma classificação de atividade física relacionada ao tipo de metabolismo energético utilizado no período em que a pessoa se exercita. Assim, ele associa o oxigênio como a principal fonte de produção de energia para o corpo, que posteriormente será transportado para os músculos.

Nesse processo, as capacidades cardíacas e pulmonares aumentam, a fim de suprir a perda de energia do músculo devido ao consumo de oxigênio. Devido a isso, a intensidade do exercício pode afetar a contribuição metabólica das vias de energia.

Objetivos

Por costumar ser uma atividade de longa duração, o exercício aeróbico estimula a função dos sistemas cardiorrespiratório e vascular. Isso porque ele aumenta a capacidade cardíaca e pulmonar a fim de suprir o músculo de energia. Porém, para ter o apelo aeróbico, o exercício deve ser feito de forma contínua e com intensidade moderada a baixa.

Portanto, ele é recomendado para quem deseja emagrecer devido ao fato de estimular a circulação, o correto funcionamento do pulmão e do coração, além de trabalhar outros grupos musculares. A seguir, confira algumas das principais práticas aeróbicas:

  • caminhada;
  • corrida;
  • spinning;
  • natação;
  • pular corda;
  • ciclismo;
  • dança.

O que é exercício anaeróbico?

Ao contrário do aeróbico, os exercícios anaeróbicos ou anaeróbios não utilizam do oxigênio como fonte de energia primária para a realização das práticas físicas. Eles se associam ao aprimoramento das capacidades cardiovasculares por terem curta duração e alta intensidade.

Os exercícios anaeróbicos funcionam na total ausência de oxigênio. No entanto, o composto químico não é eliminado, a atividade apenas independe dele para ser realizada.

O indivíduo, nesse caso, deve fazer um esforço mais intenso por uma quantidade limitada de músculos, o que gera a produção de ácido lático. Quando a oxigenação ocorre nos músculos, ela não é eficiente, o que impede a recuperação do músculo entre uma repetição e outra.

Assim, o desgaste é muito mais rápido, fazendo com que o praticante tenha que parar a atividade. Quando o exercício anaeróbico é pausado, ocorre a oxigenação dos músculos e sua posterior nutrição de glicose e de outros nutrientes.

Objetivos

A prática anaeróbica contribui para o emagrecimento, para a melhora do sistema cardiovascular e, também, para o ganho de massa magra (hipertrofia), que é o crescimento ou inchaço dos músculos. Dessa forma, algumas das principais atividades relacionadas a essa classificação são:

  • musculação;
  • sprints;
  • saltos;
  • provas de velocidade;
  • ginástica olímpica;
  • levantamento de peso;
  • abdominais;
  • flexões;
  • agachamentos;
  • HIIT (Treino Intervalado de Alta Intensidade).

Portanto, nos exercícios com predomínio do metabolismo anaeróbico, o organismo contrai mais oxigênio no momento da atividade, fazendo com que o aumento do metabolismo se prolongue por um período maior.

Como o corpo reage aos exercícios aeróbicos e anaeróbicos?

Independentemente do tipo do exercício, aeróbico ou anaeróbico, são gerados inúmeros efeitos sobre o corpo humano atingindo diversos sistemas do corpo humano, inclusive os grupos musculares.

As pessoas que desejam emagrecer, por exemplo, devem combinar as atividades, pois as interações e consequências produzidas por cada prática se complementam. Entretanto, a carga de cada exercício deve variar de acordo com as pretensões individuais de cada praticante.

Um ponto importante, ainda, é cuidar da recuperação muscular, pois ela é decisiva para um bom rendimento nos treinos, o que auxilia também na melhora da performance. Ambas as atividades físicas, aeróbica e anaeróbica, podem fazer com que você consiga alcançar ótimos resultados.

A importância do descanso

Assim como ter treinamentos intensivos, o corpo humano precisa do descanso para que os resultados e benefícios dos exercícios sejam aproveitados. Muitas pessoas tendem a ignorar esse fato, porém isso pode acabar gerando fadiga, baixo desempenho e, até mesmo, lesões graves.

Portanto, descansar faz parte do treinamento e você pode repousar entre as séries de atividades, entre uma sessão e outra e, também, entre os dias da semana porque devido ao estímulo gerado pelo treino ocorre um desgaste muscular, que deve ser compensado no momento de descanso. Isso possibilita o aumento de volume e força e, também, o resultado do treino.

Com isso, tem-se a recuperação dos músculos, o crescimento muscular e o descanso mental. Caso isso não seja respeitado, o praticante pode acabar tendo uma queda no desempenho, o que gera desmotivação e decepção após o esforço intensivo.

A importância de contar com um profissional

Se você pretende começar a prática física de forma regular, saiba que é muito importante contar com a orientação de um profissional. Isso porque se o praticante realizar os exercícios inadequadamente, ele poderá estar sujeito a uma série de problemas.

Isso vale tanto para um treino resistido quanto para uma simples corrida ao ar livre, pois todos os tipos de atividades exigem esforço. Assim, é possível evitar lesões e, ainda, saber quais são as práticas mais indicadas para a sua condição.

Portanto, o profissional auxilia a alcançar os objetivos e gera resultados positivos para o condicionamento físico de cada praticante, o que facilita o alcance de metas em menos tempo e com mais segurança.

Como visto, os exercícios aeróbicos e anaeróbicos são fundamentais para a manutenção da saúde e do bem-estar, independentemente do objetivo que você deseja atingir. Assim, lembre-se da importância de contar com um profissional especializado para conduzir as atividades da melhor forma. Seguindo as recomendações, é possível obter excelentes resultados e, ainda, aumentar o desempenho de forma significativa.

Gostou do conteúdo? Então, assine a nossa newsletter e receba em primeira mão todas as novidades sobre o assunto. Até a próxima!

treinar na academia ou treinar em casaPowered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>