Fazer atividade física não é só ter um corpo bonito, é ter saúde e longevidade!

Fazer atividade física não é só ter um corpo bonito, é ter saúde e longevidade!

Todos nós em um determinado momento de nossas vidas somos acometidos por aquela vontade louca de praticar algum esporte, alguma atividade física, se matricular em alguma academia para perder isso ou ganhar aquilo.

Alguns possuem motivações apenas estéticas, outros querem melhorar sua performance em algum esporte específico (futebol, corrida, lutas, etc) sem esquecer também daqueles que são orientados pelos médicos a saírem do sedentarismo para então melhorarem seus parâmetros de saúde.

Existem aquelas pessoas que gostam de treinar, que se engajam em um programa sólido e árduo de treinamento que envolvem uma porção de variáveis relacionadas não só ao momento em que estão na academia, mas também durante o dia, como alimentação e descanso adequados, constância, continuidade.

Tais indivíduos não tem pressa por resultados milagrosos, rápidos e por consequência, falsos, pois os mesmos acabam entendendo que o corpo dos sonhos (se é que ele existe) não será esculpido da noite para o dia e que estabelecer metas em médio, longo prazo é a melhor maneira de se manterem sempre motivados.

Então basicamente existe o grupo dos atletas/alunos que querem levantar os maiores pesos, bem como o grupo dos que querem ter os maiores músculos, existem os corredores, os aficionados pelas aulas de ginástica, todos com diferentes anseios e perspectivas, mas com algo muito forte em comum, eles gostam de treinar, logo o fato de irem à academia, para tais sujeitos, não é algo tão penoso assim, está incorporado em seu dia a dia, como comer, dormir, escovar os dentes etc.

E essa realmente é a melhor estratégia para começar a ter prazer na prática da atividade física, ou seja, fazer com que ela faça parte de sua rotina assim como as outras tarefas que você já possui.

E por que será que as pessoas não gostam de treinar?

Preguiça, medo de se lesionar, não ser uma prioridade, achar que não precisa.

O perigo mora aí, como já explicamos anteriormente, não há como dissociar uma vida saudável da prática constante de atividade física, pois se mexer é fundamental e aí gostar ou não de treinar será irrelevante, pois a necessidade te fará entender o quão importante é frequentar bons lugares, com bons profissionais para te orientar e planejar seu treinamento com responsabilidade para manter seu corpo ativo e saudável.

Abraço e bons treinos!
Professor Jai Ferreira, Coordenador Técnico do Centro de Treinamento Funcional da Oxigênio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>